Notícias

Interna

DEFENSORIA PARTICIPA DE AÇÃO DE CIDADANIA NA ZONA OESTE DO RECIFE

A Defensoria Pública de Pernambuco participou, na manhã deste sábado (25), de ação de cidadania que faz parte do projeto “Faculdade na Comunidade”, promovido pelo Centro Universitário Maurício de Nassau (UNINASSAU) com o objetivo de levar serviços gratuitos para a população. O evento aconteceu no Centro Comunitário da Paz (COMPAZ) Miguel Arraes, na Madalena, Zona Oeste do Recife. 

Para o defensor público coordenador do programa Defensoria Para Todos, Wilker Neves, a UNINASSAU conseguiu reunir vários órgãos importantes em um só lugar e, desta forma oportunizou a prestação de diversos tipos de serviços, garantindo, desta forma, atendimento presencial para centenas pessoas na região. “Trouxemos o acesso à justiça, orientação jurídica e esclarecimentos acerca de processos em andamento. Isso aproxima a Defensoria Pública do Estado dos cidadãos em situação de vulnerabilidade. Tudo a fim de garantir que demandas sejam atendidas, contribuindo, especialmente, para que os conflitos sociais sejam apaziguados e que nós consigamos contribuir efetivamente para a pacificação social na comunidade”, explicou Wilker Neves. 

A coordenadora do Curso de Direito da UNINASSAU, Thelma Vanessa, destacou a importância de projetos como este em aproximar o judiciário daquele que mais precisa. “O projeto “Faculdade na Comunidade” facilita o acesso ao judiciário para a população que, muitas vezes, tem dificuldade em ter este acesso. São pessoas que, em muitos casos, tem dificuldades até no deslocamento para receber atendimento nas instituições jurídicas. Estar aqui é descentralizar o acesso à justiça para que a população da região possa vir até aqui e em poucos minutos sair com a sua demanda resolvida”, explicou Thelma Vanessa. 

A oportunidade também serviu para que os alunos do curso de direito da universidade pudessem acompanhar os atendimentos prestados pela Defensoria Pública e aprender prestando assistência jurídica ao cidadão vulnerável pernambucano. “É um grande e recíproco aprendizado. E a Defensoria Pública explica o passo a passo da ação. Os alunos estão muito atentos e estão aprendendo muito com esta oportunidade e nós só temos a agradecer”, comemorou Thelma Vanessa.

Além da DPPE, a Universidade contou com o apoio da Secretaria de Segurança Cidadã; COMPAZ; Secretaria de Saúde do Recife; Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, políticas sobre drogas e direitos humanos do Recife; Expresso Cidadão do Recife; Procuradoria Geral do Município do Recife e Procon.

Galeria de Fotos