Notícias

Interna

DPES E DPU DESTACAM A IMPORTÂNCIA DO PROGRAMA DEFENSORIA SEM FRONTEIRAS EM RODA DE CONVERSA VIRTUAL

O processo de crescimento das Defensorias e os efeitos do Programa Defensoria Sem Fronteiras. Este foi o tema abordado na última roda de conversa promovida pelo Centro de Estudos Institucionais da Defensoria Pública de Pernambuco (CEPI). Realizada ontem (16/07), a reunião online deu início a uma nova fase do projeto que agora será compartilhado com as demais unidades do Brasil. A roda de conversa teve como convidados o Defensor Público Federal Daniel Cestari, além dos Defensores Paulo Costa (MA) e André Girotto (RS). “Tivemos uma rica oportunidade de conhecer novas práticas e aperfeiçoar rotinas de trabalho,” ressaltou o Defensor Público-Geral do estado, José Fabrício Silva de Lima.

 

 

O programa Defensoria Sem Fronteiras pauta-se na uniformidade da assistência jurídica e, ao logo de 11 anos, vem sendo executado por todo o país. Foi adotado pelo Colégio Nacional de Defensores Públicos-Gerais a partir de medidas elaboradas pela Defensoria Pública de Pernambuco. O projeto estabelece o intercâmbio entre as instituições. Assim, caso surja uma demanda emergencial em qualquer unidade da Federação, Defensores de outros estados podem ser enviados para corporificar o atendimento. Ademais, cursos, em outras Defensorias, poderão ser ministrados ou acompanhados pelos Defensores.

 

“A cada execução do programa, a Defensoria local sai fortalecida. É muito frutífero, no sentido de facilitar a vida do assistido. Dá mais eficiência ao trabalho,” frisou Paulo Costa.

 

Redação: Maria Eduarda Lavoisier 

Galeria de Fotos